Equipa portuguesa do SUMO torna-se exemplo global

Albert de Castro

0

Como o Cláudio mencionou no post anterior, no mês de Dezembro a equipa portuguesa (pt-PT) do SUMO (plataforma de apoio da Mozilla) atingiu o grande objetivo de 100 artigos mais importantes traduzidos/atualizados, o que nos coloca num spotlight muito concorrido globalmente na comunidade.

Temos recebido várias mensagens de encorajamento e admiração pelo nosso trabalho, por parte de alguns membros da equipa-mãe da Mozilla, o que é um bom sinal. Nada disto seria conseguido sem o esforço comum e, apesar de sermos um país pequeno e, por conseguinte, não um dos números principais das tecnológicas, podemos mostrar-lhes que temos muita força de vontade, inteligência para fazer coisas brilhantes e nunca desistimos, e assim vos digo para continuarem, fazendo sempre mais e melhor. Tenho a certeza de que muitas coisas boas virão para os nossos lados, por isso, força e continuação de um excelente trabalho!

Como sempre, qualquer questão que tenham ou ajuda que necessitem, não hesitem em falar comigo ou com o Cláudio.

Cumprimentos a todos,

Albert

 

Objetivo atingido na plataforma de apoio (SUMO)

Cláudio Esperança

0

28 horas antes do final do ano de 2015 a equipa do SUMO atingiu um grande marco: os 100 artigos mais populares na plataforma de apoio ficaram totalmente traduzidos para Português Europeu.

SUMO

Isto é o culminar de vários meses de intenso trabalho que envolveu mais de uma dezena de pessoas. Um agradecimento especial ao Albert De Castro (o nosso novo locale leader na plataforma SUMO) que trabalhou em 177 documentos para atingir este objetivo, à Manuela Silva e à Yuliana Alich.

Agora o principal objetivo será manter estes artigos atualizados bem como garantir que os 100 artigos mais consultados para produtos específicos também estão traduzidos.

Obrigado a todos e um 2016 cheio de coisas boas.

Mozillian em destaque: Albert De Castro

Cláudio Esperança

0

Albert De Castro é mais recente membro da comunidade portuguesa da Mozilla, que nos chegou através da página de voluntariado. Em poucos dias já deu vários contributos para a tradução de serviços e artigos de apoio da Mozilla para Português.

Confesso “tech addicted“, o Albert tem 28 anos, vive no Porto (Portugal) e é um industrial na área têxtil. Gosta de cinema, teatro, de viajar, ouvir música e socializar com amigos.

Descobriu que podia contribuir para o projeto através de umas pesquisas sobre a Mozilla, fundação cuja missão admira e que tem acompanhado de perto. Reconhecendo a importância da consciencialização que existe hoje sobre as questões de cibersegurança e da privacidade na Internet, e a forma como a Mozilla se tem destacado dos demais nestas áreas, bem como a versatilidade na personalização que produtos como o Firefox oferecem, sentiu uma vontade enorme de começar a contribuir para o projeto.

Neste momento está a começar a contribuir com traduções para o Português (Europeu), como um primeiro passo de ambientação ao projeto. No futuro gostaria de trabalhar na programação e na parte de segurança e privacidade do browser.

Sugere ainda que o projeto deve continuar, procurando desenvolver novas funcionalidades com uma preocupação contínua com a segurança e privacidade dos utilizadores.

Albert, bem-vindo à comunidade portuguesa da Mozilla. Contamos contigo para continuarmos a alimentar a missão da Mozilla.

Contactos:

Mozillian em destaque: Cláudio Esperança

Cláudio Esperança

0

Dado que temos membros muito tímidos na comunidade, aproveito a oportunidade para me apresentar. O meu nome é Cláudio Esperança, tenho 33 anos, moro entre a Amadora e Leiria e sou engenheiro de software na Unidade de Ensino a Distância do Instituto Politécnico de Leiria. Trabalho essencialmente em projetos Web e plataformas de código aberto, embora também tenha formação na área de desenvolvimento de software para sistemas de informação, dispositivos móveis e redes informáticas. Gosto de passar o tempo a inventar e a experimentar novas tecnologias, a ver cinema e séries, jogar PC (cada vez menos) e, mais recentemente, a trabalhar na melhoria dos produtos da Mozilla.

Comecei a trabalhar com a comunidade portuguesa da Mozilla em 2007. Fiz uma pausa durante alguns anos para me dedicar ao trabalho e aos estudos e, no ano passado, aceitei o desafio de voltar a participar ativamente no projeto para tentar relançar a comunidade e dar um novo fôlego às versões portuguesas dos produtos da Mozilla. A missão da Mozilla e o fascínio pelo conceito de desenvolvimento de software de uma forma completamente colaborativa foram dois dos principais argumentos que me levaram a participar neste projeto.

Neste momento, no projeto, faço um pouco de tudo: tradução, apoio técnico, integração de novos colaboradores, documentação, marketing, administração, etc. Num futuro próximo gostava de passar o testemunho de algumas destas responsabilidades para outros elementos da comunidade para me dedicar ao desenvolvimento de aplicações para o Firefox OS bem como à iniciativa Webmaker. No entanto neste momento a prioridade é a nossa comunidade e garantir que reconquistamos as preferências dos utilizadores (os navegadores não são todos iguais e existem uns para os quais os utilizadores não são matéria prima, mas sim quem vai definir o que vai ser o futuro da Web para as gerações futuras).

Penso que o projeto melhorou muito nos últimos meses. Finalmente temos as traduções sob controlo, temos cerca de seis tradutores ativos nas mais variadas plataformas e sistemas e o nosso número de utilizadores está a aumentar fruto do trabalho destas pessoas. Para o futuro creio que podemos melhorar com a documentação do processo de tradução, definição de um guia de estilos e atribuição de papeis aos vários membros da comunidade. Temos de arranjar formas de a comunidade se renovar ao longo do tempo para garantir que o projeto se mantém vivo e pertinente. Quem quiser ter um papel mais ativo na comunidade, basta enviar-nos um email e dizer o que querem (mesmo) fazer. Todas as áreas estão em aberto e disponíveis para quem quiser ajudar ativamente a moldar esta comunidade e o futuro da Web portuguesa em particular e mundial, no geral.

Contactos:

Novas traduções concluídas

Cláudio Esperança

0

As novas strings dos produtos Mozilla que foram adicionadas à plataforma de tradução estão traduzidas. Muito obrigado ao Rodrigo, ao Sérgio, ao Gonçalo e a todos os contribuíram para a conclusão de mais esta etapa.

Para validar o trabalho efetuado, devem utilizar as versões aurora que são atualizadas quase diariamente com as alterações introduzidas no sistema. No caso das traduções, estas apenas podem ser alteradas durante o tempo que uma determinada versão está no ramo central (versões nightlies de desenvolvimento e de teste, atualizadas diariamente e que podem ser instáveis ou conter bugs) e aurora (segundo ramo de testes, onde as funcionalidades de determinada versão estão fechadas – geralmente o nosso trabalho de tradução acontece quando um produto está neste ramo). Existe ainda o ramo beta (para correções de erros antes do lançamento – neste ramo já não é possível alterar as traduções o que significa que qualquer alteração neste estado não será integrada nas versões finais) e o ramo de lançamento (que é quando o produto é efetivamente lançado).

Assim sendo, se quiserem por exemplo testar o Firefox e submeter correções às traduções, devem descarregar o Firefox Developer Edition (versão aurora).

ss1

Este navegador é atualizado automaticamente sempre que é lançada uma nova versão e, geralmente, é bastante estável. Se ao testarem o navegador encontrarem algum problema relacionado com a tradução, podem recorrer à plataforma de tradução para submeterem sugestões. O interface de pesquisa no modo de tradução permite encontrar facilmente qualquer texto que seja necessário modificar.

Ajudem-nos a disponibilizar o melhor Firefox de sempre. Testem e digam-nos como podemos melhorar. Não se esqueçam que os produtos da Mozilla, são também eles, produtos nacionais, fruto do trabalho colaborativo de todos os que dedicam o seu tempo para levar estes produtos até vocês. Contamos convosco!

Mozilla Paris hackathon

Cláudio Esperança

1

Estivemos em Paris, nos fantásticos escritórios da Mozilla, a participar numa hackathon com várias equipas da Mozilla em representação das comunidades de várias idiomas (Português Europeu, Galego, Espanhol, Catalão, Francês, Romanche e Italiano), bem como Mozillians de outros países como a Sérvia, Índia, Alemanha, etc.

Foi um encontro multicultural que permitiu trocar experiências com outros voluntários da Mozilla e conhecer a estratégia da Mozilla para os próximos tempos. Tivemos a oportunidade de falar um pouco sobre o que temos feito e a estratégia que estamos a desenvolver, e fomos parabenizados pelo grande trabalho que tem sido feito pela nossa comunidade.

A Mozilla apresentou-nos alguns números onde vimos que as versões em Português de Portugal dos produtos da Mozilla são utilizadas por centenas de milhar de pessoas e que, surpreendentemente, para o nosso idioma a tendência é, claramente, de crescimento (na ordem dos 26% para o Firefox nos últimos 4 meses). Percebemos ainda que os produtos no nosso idioma são utilizados muito para além de Portugal (87%), em países como o Brasil (5%), Angola (1.5%), França, Moçambique, Suíça, Cabo Verde, Reino Unido, Alemanha, Espanha, Luxemburgo, Holanda, Bélgica, Estados Unidos, São Tomé e Príncipe, etc.

O foco das próximas versões do Firefox será a questão da privacidade, uma questão que a Mozilla considera especialmente sensível para o público europeu. A ideia é afirmar o Firefox como uma solução que protege, cada vez mais, a privacidade dos utilizadores dando ferramentas para que estes possam decidir o que querem partilhar, como querem partilhar.

No campo do Firefox OS, o projeto está a sofrer uma alteração de foco e o objetivo principal não será tanto o mercado de baixo custo, mas sim desenvolver uma solução que seja apelativa a um público com o padrão de exigência mais elevado e que espera soluções rápidas, funcionais e inteligentes, caraterísticas para as quais não é simples obter uma resposta eficiente com hardware de baixo custo. Assim sendo, o Firefox OS 2.5 irá iniciar este processo de transição, sendo que se espera que o salto maior aconteça já na versão seguinte a esta. As atualizações serão também mais rápidas e regulares com ciclos de desenvolvimento mais curtos (à semelhança do que temos no Firefox).

Para o futuro vamos continuar o trabalho desenvolvido, garantindo a tradução dos produtos e serviços da Mozilla para Português (PT). Vamos também desenvolver um guia de estilos de tradução, tutoriais para explicar o processo de tradução e de garantia de qualidade, definir um plano de liderança e de sucessão, definir estratégias para o recrutamento de novos voluntários e implementação de um mecanismo de respostas automáticas para pedidos de contacto.

Resta-nos agradecer à Mozilla o convite para participar neste evento e o facto de terem assumido todos os custos relacionados com a viagem, alojamento e alimentação, bem como por tratarem todas as questões logísticas.

PANO_20151023_145139~2Se se identificam com a missão da Mozilla, querem ajudar, gostariam de conhecer outros países e colaboradores da Mozilla, então basta participarem ativamente nas atividades da comunidade para que possam ter uma oportunidade deste tipo. Não só têm a oportunidade de ajudar muitos milhares de pessoas nacionalizando os produtos da Mozilla, como de conhecer um pouco melhor este mundo tão vasto.

Migração de mais projetos para o Pontoon

Cláudio Esperança

0

Procedemos à migração dos restantes projetos da plataforma de tradução Verbatim para o Pontoon. Por isso devem utilizar o endereço https://pontoon.mozilla.org/pt-PT/ caso queiram participar na tradução dos projetos que estavam na plataforma anterior.

Projetos Portugueses no Pontoon(não se preocupem com os projetos a vermelho nesta imagem – para o Firefox Accounts já foi criado um pull request que está em espera; e para o MDN trata-se de um problema de sincronização)

Como nota adicional, já chegámos a Paris para participar na l10n hackathon.

Que SenaNeste evento estaremos reunidos com outras equipas de tradução da Mozilla para fazer um balanço do trabalho efetuado, definir estratégias para o futuro e preparar os próximos lançamentos dos produtos que vão ocorrer nas próximas semanas.

Mais novidades em breve. Mantenham-se atentos.

Nova ferramenta de tradução: Pontoon

Cláudio Esperança

0

Já não dávamos notícias à algum tempo mas não é por falta de atividade: estamos a trabalhar em vários projetos em paralelo no sentido de preparar a infraestrutura para termos uma comunidade dinâmica e auto-suficiente.

Por um lado, estamos a testar o Pontoon, uma nova ferramenta de tradução disponibilizada pela Mozilla para a tradução dos vários produtos e plataformas. Esta será a nova ferramenta de referência para a tradução e, irá reformar em breve o Verbatim que era utilizado em alguns produtos Web da Mozilla. Assim, considerem normal que os projetos a desapareçam da ferramenta antiga e comecem aparecer na nova.

ss3

Se quiserem testar a nova ferramenta, basta visitarem https://pontoon.mozilla.org/pt-pt/ e clicarem sob o projeto que pretendem traduzir; depois basta deixarem as vossas sugestões de tradução. A ferramenta é simples e intuitiva, e disponibiliza uma série de ferramentas interessantes, incluindo tradução contextual, histórico de alterações, traduções automáticas a partir de várias fontes, tradução utilizada em outros idiomas (para contexto), etc.

ss4Para além disto tudo, é uma solução de código aberto, que podem utilizar gratuitamente no vosso projeto web. Se quiserem experimentar/conhecer a funcionalidade de tradução no local, visitem a página de introdução ao Pontoon.

Para além desta novidade, estivemos a fechar dezenas de bugs associados ao nosso idioma, a preparar o lançamento da nova versão do Firefox, a publicar as páginas da Mozilla em Português (incluindo a página para novos voluntários – a partir da qual já começamos a receber contactos), entre muitas outras coisas. Estamos também a preparar a Mozilla L10n hackton que vai decorrer no próximo fim de semana em Paris e na qual vamos marcar presença.

Páginas Mozilla traduzidas

Cláudio Esperança

0

Depois de várias semanas de trabalho, temos as páginas Web do sítio oficial da Mozilla totalmente traduzidas. Com a conclusão desta etapa, temos os produtos, os serviços e as principais páginas da Mozilla totalmente traduzidas.

sc

É, sem dúvida, um grande marco para a nossa comunidade e para o nosso idioma, fruto dos contributos de quase uma dezena de pessoas. Muito obrigado a todos pelo vosso trabalho e dedicação.

No entanto o projeto não está terminado. A cada nova versão de um produto ou serviço, existe a necessidade traduzir os novos textos bem como rever os textos que sofreram alterações. Por outro lado existe um processo de revisão e de correção de erros em que qualquer um pode participar. Para o efeito basta que visitem as páginas das plataformas de tradução (ligações no início no artigo) e que sugiram as alterações que considerarem pertinentes. Dado que muitas das traduções são feitas a um ritmo acelerado, por vezes são introduzidos erros que só sendo reportados é que poderão ser corrigidos. Por outro lado, a plataforma de apoio ainda precisa de algum trabalho, pelo que a vossa ajuda é bem-vinda.

50 artigos mais visitados traduzidos

Cláudio Esperança

0

No passado dia 29 de Setembro atingimos mais um marco na nossa comunidade: os 50 artigos de apoio mais visitados na plataforma de apoio da Mozilla ficaram totalmente traduzidos para Português Europeu.

sumo

Isto é um marco bastante importante, no caminho da tradução dos 100 artigos mais populares na plataforma. No total temos 136 artigos totalmente traduzidos para Português Europeu. Um agradecimento muito especial aos membros da comunidade que trabalharam ativamente para atingirmos este objetivo, em especial a Yuliana AlichJosé Freire, João Fernandes e a Marco Aurélio (da comunidade Brasileira da Mozilla).

O próximo objetivo é atingirmos a tradução dos 100 artigos mais visitados (ou seja mais 24 artigos). Para ajudarem, é fácil, basta ler os artigos introdutórios (para aprender como tudo funciona) e visitar o painel de tradução para escolher um artigo e começar a traduzir (os artigos com mais visitas são os mais prioritários).

Contamos com a vossa ajuda.